Cidadania 2.0: Moçambique: cada cidadão um observador eleitoral


Moçambique: cada cidadão um observador eleitoral: Repórteres cidadãos que usam telemóveis para enviar relatos espontâneos daquilo que observam durante o processo eleitoral

Logo A Verdade Autarquicas

Com o advento da era digital e o acesso cada vez mais disseminado às redes móveis de telecomunicação por todo o território moçambicano, qualquer cidadão pode assumir o papel de observador independente das eleições autárquicas de 20 de Novembro de 2013. Estas representam uma oportunidade – e um desafio – sem precedentes para os observadores e os média.

O Jornal @Verdade em parceria com o Centro de Integridade Pública e o Observatório Eleitoral está a publicar relatos em tempo real desde o início do período de recenseamento (25 de Maio), bem como na edição semanal impressa do Jornal, ficando assim disponíveis para escrutínio público. As ferramentas usadas incluem Facebook, Twitter, Flickr, YouTube, SMS e também o “Mural do Povo” onde os cidadãos sem acesso à tecnologia podem deixar as suas mensagens, denúncias e relatos com um simples giz.

Acompanhamento das Eleições em Moçambique

 

Sobre a primeira fase do projeto, que decorreu ao longo do recenseamento eleitoral (Maio-Julho 2013): http://globalvoicesonline.org/2013/07/26/photos-mozambique-elections-citizen-observers/

Notícias sobre o projeto: http://euvoto.verdade.co.mz/nas-noticias/

Eu Voto - uma das faces deste projeto

 

Advertisements