Cidadania 2.0: Movimento Cidadania e Democracia Participativa


Movimento Cidadania e Democracia Participativa: O projecto tem como base a criação e desenvolvimento de processos e metodologias, assentes nas redes e novas tecnologias, para a gestão interna de partidos de democracia participativa

Movimento Cidadania e Democracia Participativa

A democracia portuguesa sofre hoje de de vários problemas decorrentes da inibição de participação dos cidadãos, em especial no interior dos partidos, dado que a sua forma de funcionamento interno não permite que a maioria dos militantes sejam ouvidos fora dos actos eleitorais internos e possam supervisionar e condicionar de forma eficaz as actividades dos representantes intra-partidários eleitos, o que permite um liberdade de acção abusiva aos agentes políticos, lesando o Estado e denegrindo a imagem pública da política. E esta é a principal situação que nos propomos a mudar, para que faça sentido pertencer a um partido, e para que assim este actue de acordo com a vontade colectiva dos seus militantes.

O projecto tem como base a criação e desenvolvimento de processos e metodologias, assentes nas redes e novas tecnologias, para a gestão interna de partidos de democracia participativa. Com este sistema, o funcionamento do respectivo partido assentará num modelo de governo sombra, em que grupos de cidadãos ou associações, defendem os seus interesses e contribuem com os seus conhecimentos em áreas homologas aos ministérios, influenciando assim todas as decisões do partido nas respectivas questões em que interfiram. O poder desses grupos e associações privadas que actuam no seio do partido depende da representatividade que a dado momento lhes esteja delegada por militantes do partido.

 

Anúncios

Cidadania 2.0: POPSTAR


POPSTAR: Projeto que desenvolve métodos de recolha, medição e agregação de opiniões políticas e económicas veiculadas em micro-blogs (Twitter), na blogosfera e nas notícias

Logo do POPSTAR

POPSTAR (Public Opinion and Sentiment Tracking, Analysis, and Research) é um projeto que desenvolve métodos de recolha, medição e agregação de opiniões políticas e económicas veiculadas em micro-blogs (Twitter), na blogosfera e nas notícias. Para além disso, tem também como objectivo confrontar os dados assim gerados com indicadores mais convencionais de opinião pública, nomeadamente os obtidos através de inquéritos por questionário (sondagens).

Este projeto reúne investigadores do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (ICS-ULisboa), do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores-ID Lisboa (INESC-ID), da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) e do Núcleo de Investigação em Políticas Económicas da Universidade do Minho (NIPE-UM). O POPSTAR é um projeto financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (PTDC/CPJ-CPO/116888/2010).

Página inicial do POPSTAR

Este site apresenta os dados que resultam do funcionamento do primeiro protótipo das ferramentas de detecção e análise de tendências de:

  • Menções a líderes político-partidários no Twitter, na blogosfera e nas notícias.
  • Sentimento transmitido através de “tweets” sobre esses líderes.
  • Intenções de voto nos seus partidos captadas através de sondagens.
  • Avaliações da atuação desses líderes captadas através de sondagens.

 

O Buzz do POPSTAR encontram-se as tendências na frequência relativa e absoluta com que os líderes políticos são mencionados no Twitter, nas notícias e nos blogues

 

Para mais informações sobre o projeto, clique aqui e aqui.

TOME NOTA

Este projeto vai ser apresentado no evento Cidadania 2.0 (Porto, 26 e 27 setembro 2014). Veja o programa e inscreva-se!